A importância da fotoproteção para a pele

Vivemos em um país tropical, assim estamos sempre expostos aos raios solares, especialmente em algumas regiões aonde o calor predomina. Muitas pessoas se esquecem de usar protetor solar no dia a dia, mas você sabe quais danos este esquecimento pode causar? Nesta matéria você irá aprender a importância que o filtro solar tem para a nossa pele.

A exposição ao sol trás muitos benefícios para a pele, como por exemplo, a vitamina D, mas passar muito tempo pegando sol sem protetor solar pode trazer vários danos nocivos à saúde. A radiação solar é responsável pelo aparecimento de sinais e manchas, além de causar queimaduras, vermelhidão e envelhecimento precoce, também trás riscos de câncer de pele. É importante ressaltar que os danos sofridos pela radiação solar são cumulativos. A pele não tem uma resposta rápida de recuperação após uma agressão solar, logo acontece de cada agressão ser somada com as anteriores. E quanto mais velha as células vão ficando, mais lento se torna a ação de regeneração. Por estes motivos, o uso da proteção solar é tão importante para manter uma pele jovem e saudável.

Mesmo que a pele do corpo seja mais firme e resistente do que a pele do rosto, os cuidados são imprescindíveis no dia a dia. As loções de consistência líquida são indicadas para o rosto, já para o corpo é importante que se use a loção mais cremosa que trás mais facilidade para espalhar, tendo em vista que as regiões corporais são maiores que a face. Recomenda-se a quantidade de uma colher de sopa para a região frontal e outra para a região traseira, além de uma colher para cada braço e perna.

O protetor solar deve ser aplicado uniformemente sobre a pele, pois caso seja mal espalhado irá formar manchas. Pescoço, nuca, orelhas e peito do pé não devem ser esquecidos. As regiões da nuca e orelha, principalmente nos homens sofrem exposição diária, podendo desenvolver câncer de pele na região. Use de acordo com a recomendação do fabricante, como está prescrito no rótulo do próprio produto.

Usar um protetor com o fator indicado para o seu tipo de pele é muito importante. O mínimo que deve ser usado é o fator 30, que serve para quem tem peles mais escuras, devido á quantidade de melanina que protege a pele naturalmente. O fator 50 é indicado para quem tem a pele mais clara e sensível aos raios solares. Para quem tem uma pele extremamente sensível que sofra maiores danos à exposição solar, como vermelhidão e queimaduras é importante que se use o fator 60.

Em dias nublados também somos atingidos por radiação solar, e é justamente aquela que atinge nossa pele em nível de alterar o DNA. É uma agressão interna, nociva e de recuperação difícil, e a queimadura não é vista no momento da exposição. Já a queimadura do sol exposto, o sol sem nuvens, tem seu nível de perigo para a pele, não sendo igual ao anterior, mas conseguimos ver a alteração na tonalidade da no mesmo momento, sendo amenizada após algumas horas.

Por isso, mesmo em dias nublados devemos cuidar da saúde da nossa pele. Caso sofra uma queimadura solar o indicado é que a pele seja hidratada. Use hidratante, beba bastante água, coma frutas e verduras.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Instagram-NovoIcone-Recorte-293x300
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square

© 2016 - 2020 | Dabele Cursos®

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle